Aguarde, carregando...Aguarde, carregando o conteúdo

Moção


MOÇÃO062/2019
            EMENTA:
            MOÇÃO DE REPÚDIO A DECLARAÇÃO “QUEM QUISER VIR AO BRASIL FAZER SEXO COM UMA MULHER, FIQUE À VONTADE”, DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, JAIR BOLSONARO, POR INCENTIVAR O TURISMO SEXUAL NO BRASIL.
Autor(es): Exmo. CARLOS MINC, DANI MONTEIRO, DIONISIO LINS, ELIOMAR COELHO, ENFERMEIRA REJANE, FLAVIO SERAFINI, JAIR BITTENCOURT, JOÃO PEIXOTO, LUIZ PAULO, MARCELO CABELEIREIRO, MARTHA ROCHA, MÔNICA FRANCISCO, RENAN FERREIRINHA, RENATA SOUZA, SUBTENENTE BERNARDO, TIA JU, WALDECK CARNEIRO, ZEIDAN LULA

Requeiro à Mesa Diretora, nos termos regimentais, que seja inserido nos anais desta nobre casa legislativa, MOÇÃO DE REPÚDIO A DECLARAÇÃO “QUEM QUISER VIR AO BRASIL FAZER SEXO COM UMA MULHER, FIQUE À VONTADE”, DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, JAIR BOLSONARO, POR INCENTIVAR O TURISMO SEXUAL NO BRASIL.

Na última quinta-feira 25 de abril de 2019, durante café-da-manhã com jornalistas, Jair Bolsonaro deu uma declaração que faz apologia direta ao turismo sexual de mulheres, desrespeitando todas as mulheres brasileiras.

Ocorre que o Estado do Rio de Janeiro é um dos principais destinos turísticos do Brasil e temos na cidade do Rio de Janeiro a mais procurada pelos turistas, brasileiros e estrangeiros. Esta moção de repúdio ao turismo sexual se refere não apenas ao nosso Estado, mas ao país como um todo. Nenhum turista pode vir ao Brasil na intenção de fazer sexo, nem se sentir à vontade para isso, como declarou o Presidente, porque exploração sexual não é Turismo. É Crime!!

O turismo sexual é definido pela Organização Mundial do Turismo - OMT como aquele praticado no mundo e que se beneficia da própria cadeia oficial do turismo. As regiões são as mais pobres, Ásia e América Latina e frequentemente, este tipo de turismo vem associado à pedofilia, à prostituição feminina e à pobreza.

Existiam mais de três mil páginas na internet, em diversas línguas, associando o Brasil à pornografia ou vendendo o país como destino para o turismo sexual. Em 2012, o Ministério do Turismo retirou mais de dois mil endereços do ar. É preciso combater o turismo sexual e não estimular a sua prática e fechar os olhos ao que acontece e pode piorar.

É preciso respeitar e valorizar mais as mulheres do nosso país, ainda dentro das nossas casas e, principalmente, na sociedade. Por isso, esta Nota de Repúdio expressa nossa indignação, contra a declaração “quem quiser vir ao Brasil fazer sexo com uma mulher, fique à vontade”, do presidente da república, Jair Bolsonaro, por incentivar o turismo sexual no Brasil.

Plenário Barbosa Lima Sobrinho, 30 de abril de 2019.


ZEIDAN LULA
Deputada Estadual


Legislação Citada



Atalho para outros documentos



Informações Básicas

Código20191400062AutorCARLOS MINC, DANI MONTEIRO, DIONISIO LINS, ELIOMAR COELHO, ENFERMEIRA REJANE, FLAVIO SERAFINI, JAIR BITTENCOURT, JOÃO PEIXOTO, LUIZ PAULO, MARCELO CABELEIREIRO, MARTHA ROCHA, MÔNICA FRANCISCO, RENAN FERREIRINHA, RENATA SOUZA, SUBTENENTE BERNARDO, TIA JU, WALDECK CARNEIRO, ZEIDAN LULA
ProtocoloMensagem
Regime de TramitaçãoOrdinária

Datas:
Entrada 30/04/2019Despacho 30/04/2019
Publicação 24/05/2019Republicação

Comissões a serem distribuidas

01.:Plenário

TOPO
Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro

PALÁCIO TIRADENTES

Rua Primeiro de Março, s/n - Praça XV - Rio de Janeiro
CEP 20010-090    Telefone +55 (21) 2588-1000    Fax +55 (21) 2588-1516

Instagram
Facebook
Google Mais
Twitter
Youtube